vislumbres sobre visualidade

Posts Tagged ‘gps drawing

O brasileiro Claudio Bueno idealziou e dirigiu o projeto Redes Vestíveis que consiste em “performance coletiva baseada numa rede virtual elástica, geolocalizada e graficamente representada nas telas de aparelhos celulares.”

Isto é, os participantes se conectam pelos celulares, formando uma rede em que cada pessoa é um nó. E através de sua movimentação geográfica, a rede desenhada na tela do telefone, pode se esticar e até arrebentar, para mostrar que os movimentos dos participantes também estão interconectados.

Para entender melhor, veja o vídeo abaixo.

Em outro post, apresentamos no blog alguns trabalhos do pioneiro do gps drawing, James Wood. Os exemplos que disponiblizamos nesta página foram obtidos em uma matéria do NYTimes. Em primeiro lugar, o que me chamou a atenção é que, neste caso, a expressão do movimento fixada em imagem não se coloca como uma proposta artística. São trabalhos de dois designers, sendo que um deles, Tomaz Berezinski, utiliza o formato mais como uma forma de estimular a própria atividade física.

É de Berezinski o desenho acima de uma cachorro. Vemos abaixo um dos experimentos de Vicente Montelongo, inspirado nos games da década de 1980.

Quem tiver um aparelho de gps em mãos, ou um smartphone, pode começar a fazer os seus próprios desenhos com o everytrail. Além de baixar o software, é possível postar os resultados neste mesmo site.